BEASTLY, Alex Finn

A história do filme segue Kyle Kingson, um jovem que tem tudo, inteligência, beleza, riqueza e boas oportunidades, mas possui uma personalidade perversa e cruel. Após humilhar uma colega de classe, ele é amaldiçoado por ela para se tornar tudo o que ele mais despreza. Enfurecido com a sua nova e horrível aparência, ele vai atrás da garota e descobre que só terá a sua beleza de volta se fizer com que alguém consiga amá-lo, algo que ele considera impossível. Ao ver no que o filho se tornou, o pai do garoto manda-o para Brooklyn com uma empregada e um professor cego. No local, ele se envolve com um viciado em drogas e sua filha, que o ajudarão a descobrir o verdadeiro amor.” in http://pt.wikipedia.org/wiki/Beastly

Bem, a história é mais ou menos assim, se bem que do filme para o livro vai uma grande diferença. E que diferença! Para quem não está bem a ver a coisa, aqui ficam os dois links mais interessantes sobre o filme e o livro:

http://beastlythemovie.com/

http://www.alexflinn.com/html/beastly.html

Primeiro, no filme, para o encanto das moçoilas mais impressionáveis, o lindo Kyle só ganha umas tatuagens muito atrativas; no livro, ele ganha um novo corpo, e pele. Ou melhor, pelo. Ele transforma-se, literalmente, num lobisomem. E, a partir daí, torna-se muito mais fácil acreditar em todos os outros momentos mágicos que o escritor nos cria.

É tipicamente pink, só com um twist ou outro.

No filme, nós temos a perceção que a Lindy fala nas redes sociais e no livro quem fala é ele… com um grupo de “transformados”. Há de tudo um pouco, mas a mais engraçada é a história da princesa e do sapo. Good old memories.

Outra grande diferença é a empregada. Mas, para isso vão ter que ler o livro. É giro: não tem grandes enredos nem filosofias complicadas nem grandes dramas. Tem as dúvidas habituais, os dramas teenagers que já estamos bem acostumados, enfim um livro para relaxar e não pensar e ainda, um livro para acreditar que ainda há magia e pink moments wherever you look carefully. .Lê-se bem. Li-o em três horas, do meu Kindle.

Advertisements

Leave a comment

Filed under On my devices

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s